15 de jul de 2013

O poder das imagens: árvores

Na minha antiga casa de infância tinha um pé de abacate. A mais bela árvore que já conheci...Que alegrava minhas manhãs preguiçosas, fazia barulho com suas milhares de folhas nas tardes de domingo, que me protegia durante as noites. O abacateiro doava seus frutos com fartura e alimentava a vizinhança e os parentes. Era uma árvore maravilhosa...Por questões de segurança, teve que ser retirada e lembro que não me contive com sua morte...Eu e meu irmão saímos de casa e choramos muito com a morte do nosso abacateiro. Também senti muita tristeza quando vi um eucalipto caído numa praça perto da minha casa.

 As árvores são sagradas e merecem muito carinho e cuidado. São as árvores que fazem a diferença nessa cidade cinzenta...Imagine se não houvessem árvores no caminho? As árvores podem representar a ligação da terra com o céu, proteção, família, fartura. Algumas tem significados específicos, confira:

Ameixeira: juventude, beleza e vida longa
Carvalho: força masculina e virilidade
Cerejeira: feminino e beleza
Laranjeira: felicidade e prosperidade
Macieira: prosperidade e paz
Pessegueiro: imortalidade, casamento e amizade
Pereira: vida longa e pureza
Pinheiro: longevidade

E as árvores podem estar em jardins, varandas, quintais...Ou em imagens, fotos, quadros. São indicadas para os cantos da família da prosperidade. E que tal árvores dentro de uma estação de metrô?








Imagens: Fotos da Exposição Pinturas em Seda de Laila Bastos Andrade Guimarães 
no Metrô Vila Madalena em setembro de 2010.